Diga não a esses alimentos e evite a barriga saliente

Você sabe quais alimentos que dão barriga? Barriga de cerveja, barriga de chope, calo sexual, o nome não importa. O fato é que, se você se identificou com as descrições acima, é porque existe gordura no seu abdome… e em quantidade maior do que você gostaria… certo?

Bom, neste post nós vamos contar pra você quais são os alimentos que fazem essa barriga aumentar. Será que você conhece todos? Confira!

Alimentos que dão barriga

A gordura abdominal, além de incomodar esteticamente, traz problemas de saúde, como pressão alta, problemas cardíacos, diabetes, dentre vários outros. Para combatê-la é fundamental uma dieta balanceada e atividade física regular. Mas, alguns alimentos podem influenciar mais nesse acúmulo, por isso, o ideal é evitar abaixo estão alguns alimentos que dão barriga: 

Refrigerantes

Além das calorias vazias, que causam o aumento de peso e não possuem nenhum nutriente, essas bebidas gaseificadas causam retenção de líquidos e inchaço. Mas, nem adianta tentar substituí-los por sua versão diet, pois estas, apesar de não engordarem, também são gaseificadas e fazem mal do mesmo jeito.

Se exagerar nos refrigerantes e o mal-estar for muito grande, tente uma xícara de chá de hortelã  para aliviar um pouco o incômodo.

Alimentos industrializados

São vários os problemas de alimentos como biscoitos recheados, macarrão instantâneo, refeições congeladas etc. . Eles tem muito pouca fibra, que auxilia no bom funcionamento do intestino, mas são ricos em sódio (que causa retenção de líquidos) e gorduras.

Sem falar nos aditivos químicos: eles dificultam a metabolização de nutrientes pelo fígado e vesícula, bem como diminuem a capacidade que esses órgãos têm de desintoxicar o organismo.

Álcool

Assim como os refrigerantes, o álcool engorda sem trazer benefícios ao corpo. Além disso, raramente bebe-se uma única dose, especialmente no caso da cerveja, que vem sempre acompanhada de porções calóricas. Mas, já voltaremos a falar dessa combinação.

Feijões e crucíferos

As hortaliças crucíferas (couve-flor, couve de bruxelas, brócolis, repolho dentre outras) assim como o feijão são alimentos bastante saudáveis. Contudo, facilitam a formação de gases, que possibilita o estufamento da barriga. Fique atento para não exagerar no consumo.

Frituras em geral

Fritura tem gordura, muita gordura, que fica armazenada pelo corpo. Inclusive no abdome. Procure evitar ao máximo.

Pães e massas de farinha branca

Esses alimentos têm uma grande quantidade de carboidratos simples que, depois de processados pelo corpo, acumulam-se em forma de gordura, especialmente se não houver atividade física para consumir essas calorias antes que sejam armazenadas. A farinha integral é preferível, nesses casos.

Hora da cerveja, que hora tão feliz!

Ah…o happy hour! Bom, você não precisa deixar de se confraternizar com os amigos para evitar a barriga saliente. O importante é fazer boas escolhas.

A relação efetiva entre cerveja e aumento da gordura abdominal ainda não está totalmente definida. De acordo com alguns estudos, há uma conexão forte entre as duas coisas, mas também não são poucos os que dizem o contrário. O fato é que os acompanhamentos – estes sim – não ajudam a atingir a barriga tanquinho. Então, aí vão duas dicas importantes:

  • Se fizer questão de manter a cerveja na sua rotina, diminua a quantidade (experimente intercalar um copo de cerveja e um de água) e procure escolher cervejas com menos calorias. O site Mundo Boa Forma traz uma lista com o valor calórico das principais cervejas consumidas no Brasil.

  • Devagar com a comida de boteco! Gordura e sódio são o que não falta nas porções. Escolha as opções menos calóricas, por exemplo você pode comer provolone, mas não precisa ser à milanesa.

Saiba mais

Conhece alguém que vai gostar desse post? Então, compartilhe!

Curta-nos também no Facebook e fique sabendo de todas as novidades da sua loja de saúde, bem-estar e qualidade de vida.

Deixe uma resposta