Whey Protein – como usar e qual a forma correta de tomar?

whey protein como usar

Whey protein é um suplemento ótimo para que pratica atividades física, mas como usar? Quanto tomar? 

Um desses abusos ocorre na hora da suplementação. E um dos maiores exemplo é o consumo errado e inadequado de whey protein, a proteína do soro do leite, uma das mais consumidas em todo mundo.

Por isso, para acabar com todas as dúvidas, neste post vamos explicar como e quando tomar whey protein de forma correta para extrair o máximo de benefícios. Confira:

Como age o Whey Protein? 

Vendido tanto em barras, sachês ou em pote, o whey protein é o suplemento alimentar preferido de atletas e frequentadores de academias, por conta de seu alto valor biológico e da presença de diversos aminoácidos essenciais, sobretudo, os de cadeia ramificadas (BCAAs) e glutamina, fundamentais para o desenvolvimento muscular e o ganho de massa magra.

Todos esses aminoácidos, livres de calorias, gorduras e açúcares, colaboram com a síntese e com a construção muscular. Por isso, recomenda-se consumir o whey protein logo após o treino, para que ele garanta a recuperação dos músculos e propicie seu crescimento.

Isso, sem contar, seus outros benefícios, como diminuição da gordura corporal, fortalecimento do sistema imunológico, controle de inflamações e aumento de saciedade. Fatores imprescindíveis para a perda de peso e o ganho muscular.

Whey Protein como usar? 

Por se tratar de um suplemento alimentar, o whey protein deve ser consumido em combinação com uma dieta balanceada e de acordo com seus treinos e objetivos. Para isso, existem três tipos deste produto:

Isolado: É a forma mais pura, que chega a ter 95% de proteínas, livre de outras substâncias, como gorduras, lactose, açúcares e carboidratos, e por isso, a mais consumida. É a mais cara também e é indicada para o pós-treino de média e alta intensidade.

Concentrado: Com teor de pureza menor e maior quantidade de carboidratos, gorduras, colesterol e lactose, porém com grande concentração de aminoácidos, como glutamina e BCAA, é mais barata, apesar do poder de absorção muito mais lento. Este tipo pode ser consumido não só após o treino, mas de manhã ou até mesmo antes dos exercícios.

Hidrolisado: Fórmula semelhante ao do whey concentrado, porém com um poder de absorção muito mais rápido e alto, pode ser tomada no pré-treino imediato e também no pós. Recomenda-se a associação com algum tipo de carboidrato, como a maltodextrina.

Quanto tomar de Whey Protein? 

Além de escolher e alinhar o tipo correto do suplemento aos seus objetivos, a quantidade a ser ingerida é outro fator – se não o mais importante – para o whey protein dar resultados rápidos e de qualidade.

Aqui no blog, em outra ocasião, já falamos sobre a existência de uma quantidade certa de proteína por peso. A recomendação média é de 2g por quilo. Uma mulher com 60 kg, por exemplo, deve ingerir cerca de 120g de proteína por dia, balanceados entre alimentação e suplementos.

O mesmo ocorre com os homens. Na maioria das embalagens de whey protein consta a recomendação ideal diária, geralmente duas ou três medidas (scoops), de 30g cada, misturada em água ou leite, que pode ser moldada de acordo com a sua dieta e o tipo de treino.

Para facilitar sua vida e não correr riscos, procure um médico ou nutricionista para lhe ajudar nesta questão.

E lembre-se: uma dieta balanceada deve incluir também lanches nutritivos e gostosos, que podem ser consumidos de maneira rápida e fácil, mesmo por quem tem pouca disponibilidade de tempo. A suplementação é apenas aquela “’forcinha a mais”’.  

Agora é com você! Caso ainda tenha alguma dúvida, entre em contato conosco e assine nossa newsletter para ficar por dentro de todas as novidades. E visite nossa loja para escolher o whey protein ideal para você. Até a próxima!

Kit Body Protein